• Athos

Roupas e acessórios que monitoram seu corpo e podem salvar sua vida

Engenharia biomédica é um campo tecnológico que tem crescido cada vez mais. Misturado à moda, os pesquisadores estão desenvolvendo roupas e acessórios que percebem atividades do corpo humano e emitem sinais para nos comunicar problemas e melhorar nossa qualidade de vida.

Na Universidade de Michigan, EUA, cientistas estão desenvolvendo sensores nanoeletrônicos feitos com grafeno (derivado do carbono) para detectar vapores de elementos químicos exalados pela pele que comuniquem  doenças como diabetes, anemia, pressão alta e doenças de pulmão. Pacientes com a doença emitem acetona pelos poros, por exemplo. Com sensores de uso diário (como pulseiras e relógios) próximos à pele, a reação ao agravamento dessas doenças pode ser muito mais rápido e eficaz.

Já a Fundação Michael J. Fox, voltada para a pesquisa sobre o Mal de Parkinson, se aliou à Intel para melhorar o monitoramento de pessoas que já têm a doença ou que têm predisposição a ela. Assim, os pesquisadores poderão entender melhor os sintomas da doença e sua ação pelo corpo e medir os avanços da doença (que causa paralisia, tremores e falta de sono). A Intel criou uma plataforma de análise de big data e também desenvolveu dispositivos usáveis (wearables) que medem as atividades da pessoa 24h por dia sem que elas precisem interferir no processo.

De forma a melhorar a qualidade de vida das pessoas estressadas, o Spire pode ser usado preso no sutiã, short ou calça para medir o seu nível de tensão, foco e stress. Ele analisa os padrões de respiração, movimento e postura em tempo real e emite alertas para um app instalado em seu celular. Quando seu estado de espírito se altera, ele manda um alerta pedindo que pare o que está fazendo para respirar e se acalmar.

E se o foco é manter a saúde física durante exercícios, conheça a roupa de ginástica Athos. Desenvolvida com tecnologia usada em hospitais e consultórios médicos, ela mede a sua performance para ajudá-lo a fazer com que seu corpo trabalhe da maneira mais eficiente possível, sem causar danos. Essa tecnologia analisa as atividades das fibras musculares e monitora quanto o corpo está trabalhando, veja no vídeo.

Fontes:

http://www.theverge.com/2014/8/12/5992297/athos-fitness-wearable-electromyography

http://www.wired.co.uk/news/archive/2014-08/11/wearable-biosensor

https://spire.io/

http://newsroom.intel.com/community/intel_newsroom/blog/2014/08/13/the-michael-j-fox-foundation-and-intel-join-forces-to-improve-parkinsons-disease-monitoring-and-treatment-through-advanced-technologies

Faça seu comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>