• planta
  • prediograma

Jardins em fachadas de prédios, horta inteligente e floresta musical: alta tecnologia se associa às plantas

Por décadas, as invenções do homem se voltaram para a criação de mundos artificiais e eficientes, que “protegiam” os humanos do ambiente natural externo – tanto que a ficção científica previu mundos catastroficamente poluídos e desconectados com a terra. Felizmente, a mentalidade está começando a mudar. A bicicleta, os rios e os espaços verdes das cidades voltaram a ter importância no planejamento urbano e a alta tecnologia tenta reaproximar as pessoas que vivem nas cidades do ecossistema que as cerca.

Living Symphonies é uma série de composições musicais dos artistas Daniel Jones e James Bulley em que os principais músicos são as plantas e animais das florestas britânicas. Em parceria com ecologistas da Comissão de Florestas da Inglaterra, os compositores passaram 2 anos coletando os sons da natureza, editaram cerca de 800 composições e agora estão executando-as in loco, nas florestas em que os sons foram captados. Durante o verão europeu deste ano, as pessoas poderão visitar certos roteiros nas florestas inglesas e passear pelas árvores ouvindo a instalação sonora, que muda de acordo com o clima do dia. Assim, em dias de chuva será possível ouvir os sons de animais de tempo úmido e à noite serão ouvidos os animais noturnos. Saiba as florestas, dias e horários da instalação.

Confira um trechinho:

O MIT Media Lab da Universidade de Massachusetts, EUA, está estudando a possibilidade de construir fazendas verticais, em um projeto chamado MIT CityFarm. Utilizando tecnologia hidro e aeropônica (geralmente aplicada em ambientes de clima e luminosidade controlados), a proposta é levá-las para o lado de fora. Os pesquisadores analisam formas de implantar fazendas urbanas nas paredes externas dos prédios: paredes verdes e ricas em alimentos para os moradores do bairro ao invés de paredes espelhadas da arquitetura contemporânea. Ainda que a hidroponia e a aeroponia em ambientes fechados seja mais eficiente, pois neles as plantas estão livres de pragas e alterações do clima, a plantação ao ar livre tem o duplo efeito de produzir alimentos e criar um ambiente agradável dentro e fora dos edifícios.

Para aqueles que querem criar uma hortinha de temperos em casa mas sempre acabam matando as plantas de sede, excesso de água ou falta de nutrientes, o Click And Grow é o gadget adequado para ajudá-lo a começar. Esse jardim tecnológico vem com um ambiente aeropônico especial que libera nutrientes de acordo com o ciclo de crescimento das plantas e também retém a água de forma muito mais eficiente. O gadget conta com luz para alimentar as ervas em caso de dias muito nublados e sistema de irrigação preciso. Só é necessário regar o solo de 4 a 6 semanas – e o vaso ainda avisa quando você tem que fazer isso!

Faça seu comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>