• holacracia

Holacracia – o fim dos cargos nas empresas?

“Organizações com propósito através da tecnologia social”. Assim é definida a Holacracia, um sistema de gerenciamento que visa abolir justamente os cargos gereciais. Sua ideia central é reorganizar a estrutura das empresas não a partir do velho paradgima de “quem é responsável por fazer o quê”, substituindo o foco para o trabalho que deve ser feito. A chave para isso? Flexibilidade e auto-organização.

Enquanto no sistema tradicional os cargos de gerência devem lidar com os aspectos interpessoais e de relação além dos aspectos técnicos, na Holacracia essas duas esferas são divididas. Alguém que numa organização tradicional seria gerente por possuir um bom conhecimento técnico, no entanto, gasta a maior parte do tempo gerenciando as relações interpessoais, na Holacracia pode focar em fazer seu trabalho técnico e deixar que outra pessoa lide com o gerenciamento da equipe. Como o processo foca no trabalho a ser feito, essas “lideranças” variam de acordo com o próprio perfil do trabalho.

A metodologia foi criada em uma startup da Pensilvânia (EUA), pelo fundador Brian Robertson. Brian acredita que, ao adotar o sistema de Holacracia, uma empresa pode não só melhorar seu relacionamento interno, como também se tornar mais flexível, motivar seus funcionários, focar mais em resultados e realizar reuniões mais produtivas.

A princípio pode parecer mais uma ideia maluca demais para se ter certeza do resultado a longo prazo. Apenas mais uma invencionice de startups que querem romper com o estabelecido – e é mesmo. Startups relevantes já adotaram a ideia, como o Medium, criada pelo co-fundador do twitter Evan Willians e o Conscius Capitalism, um projeto sem fins lucrativos criado pelo CEO da rede norte-americana Whole Foods. Interessou em saber mais sobre a Holacracia? Pois fique sabendo que o nome já foi registrado e inclusive já existe uma consultoria para implantação do sistema.

A teoria ainda possui um canal no Youtube. Você pode acompanhar pelo HolacracyOne.

Insight Da Vinci: Pesquisadores da Mays Business School (Universidade do Texas, EUA) descobriram em um estudo que times de trabalhadores de uma fábrica tinham uma performance melhor quando gerenciavam a si mesmo do que quando estavam submetidos a uma hierarquia. E para além das startups, a Zappos, maior loja virtual de calçados do mundo, anunciou que até o fim de 2014 vai implantar a Holacracia. Para saber mais, leia o artigo da Forbes (em inglês).

Faça seu comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>